Destaque PrincipalEventosMelhores do Ano

Os melhores do mundo das Bebidas

Pessoas e estabelecimentos que fazem a diferença nos vinhos, drinques, cervejas e destilados.

Além de premias as melhores cartas de Bebidas, Vinhos e Cerveja, a Prazeres da Mesa também elege personalidades do setor e profissionais de destaque. Esse ano estreamos as categorias de drinques, com quatro clássicos.

Bar do Ano

Nicolau Bar da Esquina – Belo Horizonte

Continua após o anúncio
Foto Divulgação

Muitos, principalmente os boêmios, gostam de afirmar que os bares são nosso segundo lar, pois passaríamos muito tempo em um deles. E isso é verdade. Podemos até ficar algum tempo sem visitar determinado endereço, mas ele é do coração. Nem tente falar mal. E o vencedor desse ano, o Nicolau Bar da Esquina, tem todos os atributos que fazem um bar entrar para a história e se tornar um clássico. No comando está o chef Leo Paixão, um dos profissionais mais completos do país, que comanda com maestria o Glouton (veja página do Melhor restaurante) e criou um gastrobar acima da média. Já conquista pelo ambiente descolado/industrial, com grandes janelas, mesas sem toalhas e móveis vintage completando o cenário. Mas é a cozinha que conquista, com camarões empanados, bolinhas de carne de porco com chili, pastrami dos deuses e um croquete de rabada para comer em porções absurdas.

Rua Pouso Alegre, 2217, Horto, Belo Horizonte, MG, Tel. 31/3318-6970, @nicolaubardaesquina

MELHOR CAIPIRINHA

Bar da Dona Onça – São Paulo

Foto Divulgação

O drinque dos drinques dos brasileiros, a Caipirinha, estreia em nossa premiação em grande estilo, em disputa acirrada. E, com ela, o Bar da Dona Onça, instalado no icônico Edifício Copan, obra de Oscar Niemeyer. Comandado pela chef Janaína Rueda, o bar tem o cardápio que adoramos, com coxinha, estrogonofe e picadinho, entre outros. Mas é sua caipirinha, feita no capricho, que atrai uma legião de apaixonados, por ser milimetricamente bem montada, com açúcar na medida, limão cortado da maneira correta e aquela cachaça artesanal que faz a diferença. Porém, se o apreciador quiser fugir da tradicional, peça a Onça Pintada, com tangerina e maracujá.

Avenida Ipiranga, 200 – 27 e 29, Edifício Copan, Centro, São Paulo, SP. Tel. (11) 3257-2016; @bardadonaonca

MELHOR CHOPE

Bar Original – São Paulo

Foto Divulgação

Há bem cerca de 25 anos que o Original faz a festa dos paulistanos com seu estilo de botequim chique e comidinhas especiais, como a manjubinha e a língua à escabeche. Mas é no chope que está sua alma. Tirado com capricho, com espuma cremosa e servido em calderetas, rabos-de-peixe ou tulipas, na temperatura exata, ele mantém uma legião de apaixonados. É desses lugares nos quais queremos ficar e ver a vida passar lentamente, sem pressa, sem remorsos, apenas saboreando. “Garçom, mais um chope.”

Rua Graúna, 137, Moema, São Paulo, SP. Tel. (11) 2299-5336; @baroriginal

MELHOR DRY MARTINI

Santana – São Paulo

Foto Divulgação

Com pouco menos de um ano de vida, o bar se tornou referência na arte da coquetelaria, graças principalmente ao talento do sócio e profissional das coqueteleiras Gabriel Santana. Ele ocupa um sobrado em Pinheiros e conta com poucas mesas e um concorrido deck. O cliente pode optar por duas linhas de drinques. Os criativos e autorais – alguns já conferiram prêmios ao Santana; na outra linha estão os clássicos, uma seleção que conta com cerca de 50 opções e nas quais brilha, claro, o Dry Martini, o coquetel que remete a viagens, a romance, enfim, aos bons momentos da vida. Saúde!

Rua Joaquim Antunes, 1026, Pinheiros, São Paulo, SP. Tel. (11) 99631-1026; @_santanabar

MELHOR NEGRONI

Negroni – SP

Foto Divulgação

Em uma das disputas mais ferrenhas de nosso prêmio está o bar Negroni, que faz uma homenagem ao clássico coquetel de mais de 100 anos de história, e levou a melhor. Em sua carta de drinques, ele pode aparecer como Limone Negroni, com leve caçhaça; como Estate, com cítricos; como Envelhecido, depois de ter repousado de 20 a 30 dias em barris de carvalho; como White, com vermute branco ou, simplesmente, como o clássico, na mistura precisa de gim, bitter italiano e vermute tinto. Ele é perfeito, equilibrado, aromático e com aquele final de boca que convida a mais um gole. Se precisar de acompanhamento, boas pizzas combinam perfeitamente.

Rua Padre Carvalho, 30, Pinheiros, São Paulo, SP. Tel. (11) 2337-4855; @negroni.sp

Melhor Sommelière

Laís Aoki

Oteque – Rio de Janeiro

Foto Divulgação

Laís Aoki, sommelière no restaurante Oteque, é a grande campeã de 2022. Titular no Oteque desde sua inauguração, Laís oferece serviço perfeito. Estudiosa e pesquisadora incansável, sempre está em busca de vinhos que surpreendam o cliente. Fã dos naturais, orgânicos e biodinâmicos, ela harmoniza com muita harmonia e sensibilidade o cardápio criado por Alberto Landgraf. Uma de suas muitas qualidades é a de fugir do lugar-comum e colocar na carta vinhos que fujam do convencional.

Personalidade da Cerveja

Alexandre Basso

Cervejaria Bamberg, Votorantim, SP

Foto Divulgação

A Bamberg é uma das cervejarias mais rock‘n‘roll do Brasil, com estilos de cerveja diversos que agradam os mais diferentes públicos, com nomes como Camila, Raymundo Helles ou Os Paralamas do Sucesso, e o Calibre. Por trás de seu sucesso está seu proprietário e criador das cervejas, Alexandre Basso. Irrequieto e contestador das mazelas do mercado, Basso, apaixonado pela Baviera, na Alemanha, região que empresta seu nome a sua empresa, produz cervejas gostosas, gastronômicas, perfeitas para ser degustadas sozinhas, mas que fazem perfeitos casamentos à mesa. Que Alexandre continue trilhando o caminho da busca constante por cervejas de qualidade.

Personalidades do Vinho

Plínio Pizzato

Vinícola Pizzato, Vale dos Vinhedos, RS

Foto Divulgação

Até quase o final da década de 1990, a família Pizzato vendia suas uvas para terceiros, mas o projeto para fazer a própria marca já fazia parte dos planos de Plínio Pizzato. Foi assim, que, em 1999, foi criada a Pizzato Vinhas e Vinhos, para agregar a elaboração de vinhos ao já existente cultivo de videiras, cultura iniciada em fins dos anos 1800, quando chegou ao Brasil Antônio Pizzato, vindo do Vêneto.

Plínio foi pioneiro, na década de 1980, a fazer a recondução dos vinhedos, mudando de latada para o sistema de espaldeira, que garante melhor qualidade das uvas. Hoje ele comanda, ao lado da família, uma das melhores vinícolas do país.

Jorge Lucki

Colunista de Prazeres da Mesa, da rádio CBN e do jornal Valor Econômico e, ufa!, fazedor de vinhos

Foto Divulgação

Em meados da década de 1990, a revista Playboy iria fazer mais uma de suas degustações de vinhos. Quando começaram a ser enviados os convites para os degustadores, na época não existia e-mail, era tudo pelo bom e velho telefone, e Jorge Lucki respondeu que não poderia naquela data. No final do dia, quando fui bater a lista de confirmados com meu chefe e seu nome não constava, recebi apenas uma ordem: “Veja se ele pode na outra semana e mude a data”. E assim foi feito. Nunca falei isso para ele, para que não ficasse “convencido”.

O mundo do vinho estava começando a se movimentar no Brasil, mas Lucki já demonstrava aquele brilho de aluno aplicado, ansioso por conhecimento. Nós nos tornamos amigos e eu o presenciei abandonando a engenharia para se dedicar exclusivamente a sua paixão. Sem precisar ostentar o título de Master of Wine, que a tanta gente engrandece, Lucki é o brasileiro mais reconhecido no mundo do vinho no exterior, recebido por grandes casas produtoras e com linha direta com os principais vinhateiros do mundo. Enfim, ele ajudou a formar toda uma geração de apaixonados pela bebida e continua ensinando e apontando caminhos. Que possamos ainda tomar muitos vinhos juntos.

Por: Ricardo Castilho

Melhor Bartender

Alex Mesquita

Tan Tan – São Paulo

Foto Divulgação

Aqui temos um bicampeão da categoria. Alex, apesar de jovem, já é um veterano na profissão. Se profissionalizou em 2001 pela Universidad del Cocktail, em Buenos Aires, mas apenas 11 anos depois assumiu a carta de drinques do Paris Bar, no Rio de Janeiro. Não parou mais e encanta a todos que provam os seus drinques clássicos ou criações próprias. Hoje, comanda as coqueteleiras de um dos lugares mais festivos do Brasil, o Tan Tan em São Paulo.

Mostrar mais

Prazeres da Mesa

Lançada em 2003, a proposta da revista é saciar o apetite de todos os leitores que gostam de cozinhar, viajar e conhecer os segredos dos bons vinhos e de outras bebidas antecipando tendências e mostrando as novidades desse delicioso universo.

Artigos relacionados

Leia também
Fechar
Botão Voltar ao topo